programa

Programa contra a obesidade infantil é lançado em Campinas

A Prefeitura de Campinas lançou hoje (24), uma nova iniciativa da parceria com a empresa global de saúde Novo Nordisk e a Embaixada da Dinamarca no programa “Cities for Better Health” com o objetivo de prevenir a obesidade em crianças e adolescentes de 6 a 13 anos. A cidade é uma das seis no mundo em que a iniciativa será implementada e o alinhamento dos objetivos ocorreu em reunião na Sala Azul.

A nova fase é um complemento à parceria iniciada em 2023 e que tem como foco ações intersetoriais direcionadas para alimentação saudável e prática regular de atividades físicas para prevenir doenças crônicas não transmissíveis como diabetes.

O objetivo do trabalho é implementar intervenções de impacto, escaláveis e comunitárias, sobretudo em áreas vulneráveis do Município. A Secretaria de Saúde estima que 2,4 mil crianças e adolescentes, na faixa etária alvo do projeto global, estão obesos em Campinas. O total aumenta para 5,3 mil quando é considerada a população de até 19 anos, o equivalente a 21,2% do total de 25,3 mil residentes neste grupo infanto-juvenil.

A cidade deve receber apoio da parceria ao longo de três anos para discutir alterações estruturais, comunitárias ou individuais com foco nos resultados, fazer mobilizações junto à população, planejamento de sustentabilidade e acompanhamento de resultados dos indicadores.

“Em Campinas nós já temos um programa de alimentação escolar que tem o maior cuidado com os alimentos saudáveis para nossas crianças. E agora esse programa em parceria com a Novo Nordisk e o governo da Dinamarca vai fazer ações importantes para reduzir a obesidade infantil aqui”, destacou o prefeito Dário Saadi ao ponderar que a diminuição desta condição nas crianças e adolescentes também implica em ter menos jovens e adultos com problemas de sobrepeso e obesidade.

Ele explicou ainda que até o fim deste ano a Prefeitura deve registrar as entregas de 16 creches do programa Espaço do Amanhã, o que representa a possibilidade de garantir alimentação saudável para mais 5 mil crianças. Quatro unidades já foram entregues e todo projeto direcionado para crianças de até 3 anos na área da Educação representa investimento de R$ 144 milhões. “É um avanço histórico.”

O secretário de Saúde, Lair Zambon, valorizou o propósito da nova iniciativa. “Campinas tem vocação para coisas novas, de ser protagonista. E isso se encaixa bem quando pensamos no sentido de prevenção”, falou o titular da Pasta ao avaliar que a iniciativa também permite reflexos positivos na população que está em faixas

A vice-presidente de Assuntos Corporativos e Sustentabilidade da Novo Nordisk no Brasil, Simone Tcherniakovsky, ponderou que o programa exige envolvimento das pessoas e destacou a participação de Campinas no programa global.

“Essa extensão do programa é voltada à obesidade infanto-juvenil e vai começar a ser implementada através de uma parceria com a Prefeitura e com o apoio da Embaixada. Para a Novo Nordisk, é um enorme prazer poder dar continuidade a esse programa aqui em Campinas, a gente acredita muito no potencial da cidade e da equipe que está aqui”.

Participaram ainda do encontro representantes das secretarias de Esportes e Educação, da Ceasa, além do governo da Dinamarca e dos parceiros implementadores do projeto, a Delivery Associates e a Behavioural Insights Team.

Programa contra a obesidade infantil é lançado em Campinas Read More »

Programa Dignidade Menstrual chega às escolas municipais

Foi implantado hoje (28) o Programa Dignidade Menstrual pelo prefeito Dário Saadi, na Escola Municipal de Ensino Fundamental João Alves dos Santos, no Jardim Regina. Segundo levantamento da Secretaria Municipal de Educação de Campinas, uma a cada quatro meninas faltam à escola quando entram no período menstrual, por não terem condições financeiras para comprar absorvente.

A rede municipal de ensino tem 10,4 mil alunas, entre 10 e 50 anos, matriculadas nas 45 escolas de Ensino Fundamental, Fumec e Ceprocamp. “É inadmissível que alunas não frequentem as escolas porque não tem condições de comprar absorvente. Isso é uma questão de dignidade”, disse o prefeito.

O Programa Dignidade menstrual vai distribuir mensalmente, por meio das escolas, dois pacotes de absorventes (diurno e noturno), por aluna. Todas elas receberão, neste primeiro momento, uma nécessaire com sabonete íntimo, lenço umedecido, além dos absorventes.

“A nossa proposta é estimular a frequência das meninas na escola durante o período menstrual”, afirmou o secretário Municipal de Educação, José Tadeu Jorge.

Ana Beatriz dos Santos Pereira disse que vê a escola como um ponto de apoio nesta questão. “Acontece de a menina não ter dinheiro, de os pais não terem recebido ainda para comprar o absorvente, elas podem vir com segurança para a escola, sem medo, porque mesmo que elas não tenham, a escola vai ajudar”, contou a aluna do 8ª ano.

Brenda Vitória Silva, estudante do 7ª ano, ressalta que o mesmo dinheiro que falta para a compra de um absorvente, a família pode não ter para comprar um alimento. “Muitas vezes essas meninas deixam de aprender por conta de algo simples de se resolver, mas para elas não são por causa da condição financeira”, avaliou.

A falta de acesso aos absorventes íntimos e a produtos de higiene pessoal, e o impedimento ao acesso a espaços de convivência, como a escola, foram determinantes para a criação do Programa Dignidade Menstrual. O investimento foi de R$ 1.189.230,00.

“Cada aluna importa para nós e se essa é uma questão que faz com que elas faltem, temos que pensar em soluções que permitam que elas participem de todas as atividades escolares. E o programa vai além. Muitas meninas têm vergonha quando estão no período menstrual, sofrem bullying e temos de tornar isso uma questão pedagógica e de todos”, explicou a coordenadora do Programa Dignidade Menstrual, Mariana Volpato.

Programa Dignidade Menstrual chega às escolas municipais Read More »

Governo se alia ao Serasa para ampliar alcance do Desenrola Brasil

O Ministério da Fazenda anunciou hoje (15), em São Paulo, uma parceria com a Serasa para aumentar o alcance e facilitar o acesso ao Desenrola Brasil – programa para renegociação de dívidas do governo federal.

Com essa parceria, em funcionamento desde a última sexta-feira (9), as pessoas que entrarem no sistema da Serasa poderão ser direcionadas ao site do programa Desenrola. Antes, o acesso ocorria apenas pela plataforma Desenrola.Gov.br.

“Isso tem o intuito de facilitar o acesso de quem já é cliente de outros parceiros. A gente abriu essa possibilidade para que a pessoa faça o login no parceiro do Desenrola e aí ele será direcionado para o ambiente da plataforma, sem precisar fazer novo login”, explicou Alexandre Ferreira, coordenador-geral de Economia e Legislação do Ministério da Fazenda.

“Nesse ambiente ele vai ter acesso às mesmas condições de renegociação – com pagamento que pode ser à vista ou parcelado, sem entrada e início do pagamento em 60 dias – e com os mesmos descontos que temos até aqui”, completou.Os usuários que fizerem o login com CPF e senha no site ou no aplicativo da Serasa poderão clicar em Negociar Dívidas. Na aba Minha Dívidas, vai aparecer uma lista de propostas para negociação da dívida.

Com a parceria, o governo pretende ampliar o acesso das pessoas ao Desenrola, já que a plataforma da Serasa tem hoje 88 milhões de brasileiros cadastrados e cerca de 26 milhões de acessos mensais.

Até este momento, a plataforma do Desenrola Brasil já beneficiou cerca de 12 milhões de brasileiros, somando R$ 35 bilhões em dívidas renegociadas. O programa termina em 31 de março. (Agência Brasil)

Governo se alia ao Serasa para ampliar alcance do Desenrola Brasil Read More »

Apresentador Fausto Silva deixa o programa “Faustão na Band”

O apresentador Fausto Silva, o Faustão, está de saída da Bandeirantes após cerca de um ano e meio de casa. Ele e a emissora entraram em acordo para encerrar o contrato, que iria até 2026.

O apresentador deve dar uma pausa no trabalho em televisão. O programa Faustão na Band terá episódios inéditos apenas até o final de maio. Depois disso, a Band exibirá reprises até a estreia de um novo projeto, ainda indefinido, que deve substituir o programa na grade.

A ideia é que João Guilherme, filho de Faustão, e a jornalista Anne Lottermann comandem o novo projeto. Eles já dividiam o horário com o apresentador na emissora. Boa parte da equipe do programa deve permanecer na Band, mesmo após a saída do apresentador.

Segundo a revista Veja, Johnny Saad e André Aguera, presidente e vice-presidente da Band, respectivamente, se reuniram com Faustão nesta semana para discutir uma redução salarial, o que não teria agradado o apresentador.

Outra pauta abordada teria sido a baixa audiência do Faustão na Band, que estaria desagradando a diretoria da emissora. O apresentador também declarou que estaria cansado da rotina de programas diários. Faustão estreou na Band em janeiro de 2022.

Ele deixou a Globo no final de 2021, após 33 anos de casa. O apresentador já havia trabalhado na Band entre 1984 e 1988, no comando do Perdidos na Noite.(Jornalistas e Cia)

Apresentador Fausto Silva deixa o programa “Faustão na Band” Read More »

Rolar para cima